Um tempo de transformação e pensamento para o futuro


Empresas terão que abandonar a “gambiarra digital”

Ou é digital mesmo ou não é.
Plataformas digitais competentes mesmo que sejam pequenas são as que vão sobreviver

Enquanto apresenta grandes desafios, a situação do COVID-19 fornece um tempo para as PME´s mudarem fundamentalmente os modelos de negócios atuais para um futuro sustentável.

O coronavírus (COVID-19) apresenta muitos desafios para empresas em todos os setores e regiões geográficas. O foco teve que mudar imediatamente das atividades de crescimento, marca, melhoria de negócios e digitalização para as etapas urgentes necessárias para garantir a continuidade e a resiliência dos negócios.

Embora essa mudança seja compreensível, a oportunidade agora é não apenas continuar focando na continuidade dos negócios, mas paralelamente trabalhar com a criação do futuro modelo de negócios conquistando a garantia de continuar competitivo do outro lado do COVID-19.

Essa crise tornou a ruptura muito real e colocou em evidência as lacunas nas operações e investimentos técnicos. Agora é importante que as empresas comecem a pensar mais estrategicamente sobre tecnologia e recursos digitais e investimentos necessários para elevar seus modelos operacionais como um imperativo e não um ‘prazer em ter’.

Tempo para reavaliar e fazer mudanças sustentáveis

Embora seja tentador colocar seus esforços para melhorar e digitalizar seus negócios em segundo plano, agora não é hora de desacelerar. As experiências do COVID-19 terão impactos de longa data sobre a maneira como os clientes desejam interagir com as empresas e adquirir serviços. Os clientes de hoje já estavam mais bem informados, mais conectados e mais exigentes do que nunca, e o COVID-19 acabou de ampliar isso.

As organizações precisarão remodelar seus modelos de negócios para responder às mudanças nas necessidades dos consumidores. Será necessário considerar como cada aspecto da organização, desde a experiência e as vendas do cliente até a cadeia de suprimentos e o backoffice, precisarão interagir sem problemas e colaborar para atender às expectativas do cliente no futuro, e como a tecnologia pode ser aproveitada para permitir novas formas de se trabalhar

Destaque para o cliente

Destaque para o cliente

  • Como é o cenário do concorrente no ambiente pós COVID-19?
  • Que mudanças duradouras nas expectativas e comportamentos dos clientes veremos?
  • Como você conhecerá seus clientes e se envolverá com eles de maneira diferente no futuro, e como sua marca responderá de acordo?
  • Como você otimizará seus futuros canais?

A Netbiis disponibiliza ferramentas e tecnologias maduras e acessíveis para o mercado.

Isso significa (por mais difícil que isso pareça) iniciar, continuar ou acelerar o foco e o investimento na transformação de clientes, operações e tecnologia para garantir que as empresas estejam equipadas com os recursos e ferramentas para permitir eficiência, eficácia e, mais importante, impacto nas novas formas de trabalhar.
Embora estejam na linha de frente dos desafios apresentados pelo COVID-19, empresas necessitarão de uma reengenharia na tecnologia com o objetivo de rapidamente realizar melhorias em suas interações e comunicações com seus clientes. A Netbiis disponibiliza ferramentas e tecnologias maduras e acessíveis para o mercado. Isso fornece uma oportunidade única de avançar para o nível de mudança e melhoria que pode ser alcançado. No entanto, criticamente essas alterações precisam ser consideradas não como componentes isolados, mas como componentes interdependentes e integrados.

Princípios fundamentais para a transformação digital

As mudanças necessárias são estratégicas e terão impactos duradouros. Elas precisam ser feitas com alguns princípios fundamentais subjacentes muitos dos quais podem ser novas considerações para algumas organizações.

Se há uma coisa que o COVID-19 demonstrou muito claramente é que o investimento em tecnologia digital não é um luxo. A tecnologia não é apenas essencial para operar durante esses tempos, mas exige foco e atenção significativos após o COVID-19 para que as organizações continuem competitivas e resilientes no ‘novo normal’.

Este não é o momento de desacelerar os esforços de transformação digital, é o momento de se preparar para um futuro sustentável.